Alívio da Dor pela Quiropraxia

quiropraxia

O Alívio da Dor pela Quiropraxia é indicada principalmente para dores na coluna, pois recupera o Equilíbrio do Corpo pela manipulação das Vértebras.

quiropraxia

Como os ajustes na coluna são indolores e não invasivos, assim, em algumas situações, logo após a manipulação, o alívio da dor pode ser imediato. Os movimentos quiropráticos são eficazes na diminuição do desconforto e na melhoria da mobilidade.

No Espaço Mais Bem-Estar o atendimento de Quiropraxia é realizado de forma integrada com outras técnicas. Inicia-se a sessão com massagem, para soltar a musculatura e aliviar toda e qualquer tensão, bem como, a dor muscular. Em seguida, após avaliação pelo toque, são feitos ajustes na coluna que resultam na melhoria da postura.

Dependendo da gravidade da lesão que provoca o desconforto, as sessões terapêuticas poderão se estender por mais de um mês. Em caso de crise, o cliente poderá receber dois atendimentos semanais. Porém, à medida que ocorre melhoria do quadro de dor, os encontros com o terapeuta podem ir se espaçando. Contudo, o tempo de acompanhamento depende da queixa do indivíduo, dos hábitos de vida como postura, ritmo de trabalho e prática de atividade física.

História da Quiropraxia

Como todas as Medicinas Complementares, a origem da técnica não é datada precisamente. Contudo, Hipócrates – pai da Medicina que viveu no século IV a.C – já relatava problemas relacionados à Coluna. E, no século II de nossa era, viveu na China o médico Hua Tuo. O Dr. Hua Tuo nos legou pontos de acupuntura, que levam seu nome – Hua Tuo Jiaji – localizados a aproximadamente 1,5 cm, paralelos a coluna vertebral, os quais fortalecem e relaxam os músculos paralelos à Coluna.

Como Medicina Moderna, a Quiropraxia teve seu primeiro curso superior em 1897 na Palmer School of Chiropractic – hoje Palmer Chiropractic College, na Califórnia nos EUA. Esta escola fortaleceu a técnica e distribuiu profissionais para o Mundo.

Alguns vieram para o Brasil, como Plínio Cardoso de Barros Barreto em 1998, um dos precursores da técnica em nossa terra. Na época surgia o primeiro curso superior de Quiropraxia, no Rio Grande do Sul.

Assim, são apenas 20 anos de história em terras brasileiras. Contudo, a Quiropraxia é cada vez mais reconhecida e procurada pela população. Essa demanda, contribui com a oferta de novos cursos. Assim, há formação específica em cursos superiores de Quiropraxia, mas também há cursos livres para profissionais da saúde.

Mesmo, com a profissão não regulamentada no Brasil, sua prática é recomendada pelo Ministério da Saúde, que a inclui na Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares.

Alívio da Dor

O que é um Quiropraxista?

O Quiropraxista é um profissional da saúde, que trata e previne doenças dos sistemas nervoso, muscular e esquelético por meio de terapias manuais. Principalmente, a manipulação das articulações.

O Quiropraxista diagnostica e faz procedimentos, que melhoram a posição das articulações, as quais interferem na função normal de músculos e nervos.

Sua formação é em curso superior de Quiropraxia ou em curso livre, desde que seja um profissional com formação em saúde.

A Quiropraxia sob o olhar da Ciência

Embora as pesquisas sobre Quiropraxia ainda sejam tímidas, a técnica já conquistou o olhar da Ciência. A Revista Scielo publicou o artigo Efeitos da quiropraxia em pacientes com cervicalgia: revisão sistemática.

O Estudo foi realizado na Universidade Federal do Rio Grande do Norte, o qual teve como objetivo rever a literatura sobre ensaios clínicos voltados à Dor Cervical. Tal estudo, mostrou que os ensaios revelaram, que as técnicas quiropráticas promovem o Alívio da Dor Cervical. Contudo, esse alívio é mais rápido e de forma mais prolongado, que outras técnicas. Entretanto, o Estudo conclui, que é necessária a realização de mais ensaios clínicos. Pois, comprovar os reais efeitos da Quiropraxia na cervicalgia promoverá confiança dos profissionais e atendidos.

Alívio da Dor no Espaço Mais Bem-Estar

A equipe do Espaço Mais Bem-Estar busca o Alívio da Dor nas Sessões Terapêuticas. Portanto, técnicas diversas são aplicadas, entre elas, a Quiropraxia.  Nesses encontros, o terapeuta avalia o cliente e determina, que procedimentos são indicados para sua reclamação. E assim, agrega técnicas como: auriculoterapia, magnetoterapia, moxabustão, sangria, gua-sha, ventosaterapia e massagens.

Contra-indicações da Quiropraxia

Como qualquer TMA (Terapia de Manipulação Articular) a Quiropraxia apresenta contra-indicações:
– déficit neurológico progressivo,
– fraturas ou luxações em fase de consolidação,
– instabilidade segmentar das articulações vertebrais,
– uso de anticoagulantes e
– desmineralização óssea (osteopenia e osteoporose).

Venha nos conhecer. Seja bem-vindo.

Fontes:

1 – Bem-estar na Palma das Mãos – Márcia Cezimbra – Senac Nacional – Rio de Janeiro – 2013

2 – Revista de Medicina da USP – Quiropraxia – por Eduardo Sawaya Botelho Bracher, Camila de Carvalho Benedicto, Ana Paula Albuquerque Facchinato. Acessado em 26/05/2018.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *